ALAMI

Menu

Links

Denio Alves

Cadeira 34 - LITERATURA

Patrono: Guaraciaba Novaes

 

       Denio Alves nasceu em 1977, em Valença, RJ, é bacharel em Direito e funcionário público. Residiu em Santos, SP, de onde veio com sua família para Ituiutaba, por decisão profissional de seus pais. É filho de Delcione Alves de Assis (médico) e Lady Gouveia Pires (professora). Em Ituiutaba graduou-se também tecnólogo em processamento de dados, e lecionou língua inglesa. Escreve desde os 12 anos de idade, e com maior assiduidade desde os 16, dividindo-se entre a poesia e a prosa. Participou de movimentos de cultura alternativa, envolvendo o meio dos fanzines e expressões literárias independentes a partir de 1997, havendo editado Eram os Deuses Zineastas?, que figurou entre os periódicos brasileiros a participarem da IV Jornada de Fanzines mundial, na Espanha. Em 2006 seleciona, para demonstração à ALAMI — Academia de Letras, Artes e Música de Ituiutaba —, onde ocupa a cadeira de número 34 —, a coletânea de poesias Reminiscências, contendo sua produção entre 1995 e 2005. Para Denio, a informação — sobretudo a escrita — é uma forma de expressão, de poder, e de elevação da alma. O modo como os pensamentos são organizados em uma folha de papel representam uma chance de desvendar o mundo. seja o exterior ou o mundo restrito do ego. Escreve e compõe esPQradicamente, no cada vez mais raro tempo que lhe sobra, mas ainda encontra alguns momentos para pensar nos calvários sociais e existenciais a que os seres humanos estão sujeitos.

 

 

Veja foto da Solenidade de Posse do Denio...
 

 

* * * * *

 

Poema:

 

Guaraciaba