ALAMI

Menu

Links

Jeremias Brasileiro

 
Cadeira 81 — LITERATURA
Patrono: Grande Otelo

 

Jeremias Brasileiro nasceu em Rio Paranaíba, MG, em 24 de agosto de 1959, filho de Jerônimo Brasileiro e de Emiliana Terezinha de Jesus. Mudou-se para Uberlândia em 1974. Membro Fundador e Primeiro Vice-Presidente da Academia de Letras de Uberlândia. É Historiador pela Universidade Federal de Uberlândia e Membro do NEAB/UFU — Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros. Coordenador da COAFRO — Coordenadoria Afroracial da Prefeitura Municipal de Uberlândia.

Jeremias Brasileiro é o Orador Supremo e Comandante-General da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário e de São Benedito. é poeta, escritor e pesquisador da Cultura afro-brasileira. Possui dez livros publicados como autodidata, entre os quais se destaca Congadas de Minas Gerais, publicado em 2001 pelo Ministério da Cultura, através da Fundação Cultural Palmares.

Já participou de cinco documentários referentes às Congadas. Realiza palestras, sobre o referido tema, há mais de quinze anos e faz apresentações poéticas diversas nas escolas da rede municipal, estadual e particular.

Obras publicadas: Rua de pedra (1980); Direito de sonhar (1982); Rio Paranaíba (1982); Lágrimas de verão (1984); Pensando em você (1994); Negro forro liberto vigiado (1995); Névoa amarela e os orixás (1996); Congadas de fé (1998); Congadas de Minas Gerais (2001); Congadas: retratos de resistência e fé (2005).

Documentários para TV dos quais participou e produziu: “Terra de Minas: as congadas na cidade de Uberlândia” (2002); “Reis de contas: as congadas no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba” (2003); Festa popular — congada 2003: o ano de mudança da data da festa” (2003). Memória do congado: ternos de congado de Uberlândia” (2004); “Congadas em rio Paranaíba: luta, resistência e preconceitos” (2004); Ubercongalândia: moçambiques da cidade” (2005).